segunda-feira, 20 de fevereiro de 2017

Naça da vexame em Manacapuru e perde para o Galvez-AC

Após empatar em casa no jogo de ida com o Nacional-AM, só a vitória ou o empate acima de dois interessava ao Galvez para se classificar para a primeira fase da Copa Verde. E o time, mesmo fora de casa, no estádio Gilbertão, em Manacapuru (a 84 quilômetros de Manaus), foi melhor na partida e venceu por 1 a 0, com gol de Ciel, marcado ainda no primeiro tempo. Além disso, soube suportar a pressão dos amazonenses até o fim e garantir a classificação.

Com o resultado, o Galvez está classificado para a primeira fase da Copa Verde. O adversário que terá pela frente é o Paysandu. Os duelos ocorrerão nos dias 5 e 19 de março, no Acre e no Pará, respectivamente. Já o Nacional agora se dedicará apenas ao Campeonato Amazonense, que começa no início de março.
Ciel fez o gol da Classificação



O jogo

Bastante prejudicado por conta do forte calor em Manacapuru, o jogo demorou muito a deslanchar. Sem conseguir imprimir um ritmo consistente, ambas as equipes mostraram pouquíssima criatividade, dando quase nenhum trabalho para os goleiros. Aos 37 minutos, Jackie Chan foi expulso por reclamação, após receber um amarelo minutos antes.

Com um a menos, o Nacional tentava insistir, mas o jogador a menos no meio fez falta. Já aos 47 do primeiro tempo, Ciel recebeu um lançamento nas costas da zaga, e cara a cara com o goleiro Pablo recebeu a carga do zagueiro Victor, e viu a bola escapar, indo em direção ao gol, matando o goleiro Pablo. Ele ainda conseguiu se recuperar, mas tirou a bola em lance polêmico. O árbitro validou o gol, enquanto o bandeira não correu para o meio. No fim, o gol foi confirmado para Morais e o Galvez foi para o intervalo em vantagem.

No início da etapa complementar, o Nacional voltou melhor para a partida, tomando a iniciativa de jogo. Porém, apesar de ter domínio no ataque, desperdiçou várias chances. Uma delas com Jefferson Araújo, aos 11, e depois com Victor, aos 20. O Galvez, com a vantagem, passou a esperar o adversário e explorar as jogadas de contra-ataques, na tentativa de liquidar a partida. E o técnico do Naça colocou mais atacantes na partida e a equipe passou a pressionar mais. Em uma das chances, Alexsandro fez boa jogada e só não fez o gol porque Layo tirou embaixo da trave.

Os acreanos perderam Renato, expulso, aos 35, e isso ajudou ainda mais na pressão do Naça, que mandou todos para o ataque e Jefferson Araújo, mais uma vez não foi feliz em duas oportunidades. Apesar de pressionado, os acreanos ainda reagiram aos 43 com Tonho Cabañas, que teve a chance, mas a bola foi defendida pelo goleiro Pablo.

segunda-feira, 13 de fevereiro de 2017

Adalberto GG empossado como o novo presidente da Torcida Apaixonaça

A torcida organizada APAIXONAÇA empossou o diretor comercial Adalberto Gomes (Adalberto GG),  como o novo presidente da associação, para o biênio 2017/ 2018. A posse ocorreu 
no último sábado às 16 horas da tarde na sede do Nacional Futebol Clube.
Família Apaixonaça

Durante seu discurso de posse, Adalberto apresentou algumas de suas metas de trabalho e ações a serem realizdas sob sua administração, deixando claro como a T.O.A.P. irá se comportar nas arquibancadas em apoio ao  time do Nacional.
Entre suas idéias está a reunião dos torcedores e de torcedores egressos, através do recadastramento de seus membros e associados, com emissão ou renovação da carteira de sócio, e realização de promoções e eventos para fortalecer a Associação. Também irá se esforçar pela união do Nacional e de suas torcidas, respeitando a diversidade entre as mesma. Entre os presentes, estiveram representantes de torcidas co-irmãs como a Leões da Amazônia (Sérgio Leal, Ilmar) e da torcida Naça Jovem (Marcos Pitter).
GG com Ricardo e esposa

Estiveram presentes na mesa cerimonial os representantes das categorias de base do Nacional, o torcedor nacionalino e empresário Nazareno e do ex-craque e eterno ídolo nacionalino Jorginho Maia, que prometeram dar outra cara às categorias de base do mais querido do Amazonas.  Na ocasião a TOAP fimou o compromisso de apoiar esta iniciativa que com certeza, se for mantida e devidamente apoiada, trará grandes frutos ao nosso clube, e mesmo ao desporto do nosso estado.
Mesa diretora da Apaixonaça


De antemão o novo presidente anunciou alguns nomes de sua nova diretoria. Foi anunciado Mauricio Gama como vice-presidente, além de Adriano Reis como secretário, Eliane Solis como tesoureira, além de Ricardo Nascimento, Tiago Itapirema, Natan Figueiredo paa diretoria, cujo anuncio completo e formal será publicado ainda nesta semana.

sexta-feira, 10 de fevereiro de 2017

Torcida Apaixonaça apresenta seu novo Presidente.

 A TORCIDA APAIXONAÇA, seguindo seu estatuto, e após o término da gestão do ex presidente William Silva, convida  todos os sócios, membros e simpatizantes da APAIXONAÇA para participarem da apresentação e posse do empresário e ilustre torcedor nacionalino ADALBERTO "GG" GOMES como o novo presidente da TORCIDA APAIXONAÇA no biênio  2017/ 2018.
Na ocasião ele apresentá a nova Mesa Diretora, e apresentará seus projetos e plano de ação.
Adalberto Gomes
Temos a convicção que a luta será árdua desta associação de torcedores nacionalinos, que estão ávidos por alegrias vindas do time que amam. E nada melhor que um torcedor do naipe do ADALBERTO GG para assumir uma  torcida "linha de frente" como é a APAIXONAÇA.

Data :11 de fevereiro
( amanhã sábado)

Horário:15:00.

Local: Sede do Nacional Futebol Clube.


O novo presidente e todos nós que amamos o Nacional esperamos por vocês nesse importante evento


Gratos a todos

quarta-feira, 8 de fevereiro de 2017

Obrigado Presidente William Silva

NOTA DE AGRADECIMENTO APAIXONAÇA 2017.

No período de 2015/2016 essa associação de torcedores de NACIONALINOS foi presidida pelo empresário e nacionalino WILLIAM SILVA.

Presidente Willian da Apaixonaça
Em sua gestão a Torcida Apaixonaca obteve várias conquistas e vitórias.

Foram várias suas realizações, dentre as quais:


Realização do primeiro festival de pizzas da T.O.A.P.

Os instrumentos da batucada foram todos personalizados,

Criação  da ala feminina da Apaixonaça. ("Comando Feminino)

A maior bandeira do Amazonas foi concluído com sucesso em sua gestão.

Conquista do primeiro campeonato interno da ATON. (associação das torcidas organizadas do nacional) em 2015 .
Willian e sua esposa

Sua gestão vitoriosa foi respaldada por diretores e conselheiros competes como o vice Márcio Costa,  Rosangela (sua amada esposa),   Francy , Ricardo, Eliane. Maurício, Roni e vários outros,  que trabalharam sob sua liderança.

Na gestão William, a TOAP manteve-se à frente das manifestações e protestos por melhorias no Nacional, sem descuidar do natural apoio ao nosso amado Nacional Futebol Clube, nos gramados do Amazonas e até fora do estado.

William liderou e manteve o apoio à polêmica colocação das faixas de cabeça pra baixo. Uma forma de expressão comum de grandes torcidas em todo Brasil em momentos de crise como o que o Nacional enfrenta.
Caravanas com sucesso

Sempre pensou no melhor para o Nacional. E para a torcida.

Somos todos conscientes que ninguém consegue presidir com 100% de perfeição. Estamos todos sujeitos a erros  e  acertos.

Mas a torcida APAIXONACA reconhece suas virtudes,   conquistas e realizações POSITIVAS para com esta associação.
Time da Apaixonaça foi campeão na sua Gestão do torneio da Aton.

A família TOAP despede de seu  presidente mas sem nostalgia, pq já o espera nas arquibancadas.

Em nome da diretoria,  associados e membros desta aguerrida torcida, a  APAIXONACA. só tem a dizer:

MUITO OBRIGADO, PRESIDENTE WILLIAM !!!!

Criação da Primeira torcida Feminina



Nacional anuncia Arthur Bernardes como novo treinador do Leão

Nacional contrata Arthur Bernardes como o novo técnico para a temporada 2017.
O treinador, que foi vice-campeão da Copa Verde em 2016 pelo Gama – DF, e traz no currículo uma vasta experiência em treinamento de clubes nacionais e internacionais, agora passa a comandar o Leão da Vila Municipal.

Ficha do Treinador:

Arthur Bernardes Ribas da Silva Filho, mais conhecido como Arthur Bernardes, (Rio de Janeiro, 15 de maio de 1955) é um treinador de futebol brasileiro que atualmente está treinando o Gama-DF. Começou sua carreira de treinador no Madureira-RJ em 1988. Em 1990 assumiu o Atlético-MG e foi vice-campeão estadual. No mesmo ano foi Campeão do Torneio Ramon de Carranza (Espanha), 3º colocado na Copa do Brasil e 5º no Campeonato Brasileiro (com o maior número de pontos corridos). Em 1991 trabalhou no Sport-PE, tirando o time do último lugar no Campeonato Brasileiro, e permanecendo na 1ª divisão. Em 1992, foi contratado pelo Fluminense-RJ. Foi vice-campeão da Taça Rio e só não se classificou entre os oito finalistas do Campeonato Brasileiro, por 1 ponto. No ano seguinte, trabalhou no Goiás-GO, assumindo o time na 9ª posição do Campeonato Goiano, e terminando como vice-campeão.
Arthur Bernardes é o novo treinador do Naça
Treinou o Marília-SP em 1993 e 2006, quando disputou a Série B do Campeonato Brasileiro. Neste último ano, revelou vários jogadores que foram vendidos a grandes Clubes Brasileiros. Iniciou o ano de 1994 contratado pelo Bahia-BA, disputando o 1º turno. Neste mesmo ano foi contratado pelo União da Madeira (Portugal), assumindo o clube na última colocação do Campeonato (1ª divisão) e terminando como Campeão. Em 1995, foi contratado pelo Flamengo-RJ, juntamente com Washington Rodrigues (Apolinho), e foi vice-campeão da Supercopa. Em 1996, 1997 e 1998 trabalhou em um dos clubes de maior história dos Emirados Árabes, o Al Wasl FC onde foi campeão da Liga e vice-campeão da Copa do Presidente. No ano seguinte ficou em 3º lugar tanto na Copa da Liga, como na Copa do Golfo. Posteriormente (entre março de 2003 à 2004) retornou ao clube, tirando-o da zona do descenso, classificando-o em 3º lugar na Copa do Presidente. No ano seguinte, ficou em 4º lugar na Liga. Em 2001 trabalhou também no Al-Shabab (Arábia Saudita), sendo vice-campeão da Copa da Ásia.. Em 2002, foi contratado pelo Botafogo-RJ. Treinou a equipe em 4 partidas (contra Santos-SP, Atlético-MG, Cruzeiro-MG e Internacional-RS). Obteve 1 derrota e 3 empates. Apesar dos bons resultados, o Clube passava por mais uma das sérias crises financeiras e Arthur não terminou seu contrato. Em 2008 e 2009, trabalhou no Atlético Petróleos (Angola)  e terminou o Campeonato em 3º lugar. Em dezembro de 2012, foi anunciado como novo treinador do Atlético-PR (Sub-23) para a disputa do Campeonato Paranaense de 2013. Fez um excelente trabalho. Foi Campeão do 2º turno com apenas uma derrota, e vice-campeão estadual jogando contra o Coritiba-PR (time principal). Ainda em 2013, disputou e conquistou a Copa Yokohama (Japão) e também outro torneio na Holanda. Revelou vários jogadores que ainda no mesmo ano ocuparam vagas no time principal. Saiu ao final do contrato (dezembro 2013), para assumir o Gangwon (Coréia do Sul). Em 15 de março de 2016, o Gama-DF anunciou a contratação do treinador.

terça-feira, 7 de fevereiro de 2017

Aderbal Lana sai do Naça e vai para o Rio Negro

“Eu não estava feliz (no Nacional). Não era o que eu queria e antes que tudo estourasse e pudesse ser mandado embora de novo, resolvi sair. E eu saí porque o coração pediu e achei que estava na hora, não quero levantar polêmica com ninguém. O futuro mostrará porque pedi demissão”, afirmou Lana, que garantiu não ter sofrido atritos no Leão, em 2017.

Lana saiu do time do Nacional com apenas um jogo oficial disputado neste ano, no dia 29 de janeiro, contra o Galvez (AC), pela estreia na Copa Verde, e a onze dias da partida de volta com a equipe acriana, em Manacapuru (a 68 quilômetros de Manaus). Como não tem auxiliar técnico no grupo azulino, o preparador físico Rodrigo Bernardi assume interinamente os treinamentos.

No ano passado, o técnico Aderbal Lana liderou o Rio Negro até as semifinais do Amazonense em uma campanha surpreendente pelas limitações estruturais e problemas financeiros do clube da Praça da Saudade. A motivação para voltar ao Galo seria para tentar uma nova alavancada do time no Estadual.
Lana pediu para sair e logo depois apareceu na Praça da Saudade

“Não tem nada de financeiro, (o salário) é abaixo do que ganhava no Nacional. Dinheiro não é tudo, é a felicidade de você estar tranquilo. No ano passado, fui muito bem tratado no Rio Negro e as coisas aconteceram de forma muito fácil em nível de relacionamento (profissional). O clube teve dificuldades financeiras, mas este ano tem pessoas para ajudar”, afirmou Lana.

Presidente do Nacional :

Na estrutura do Nacional hoje existe um modelo de gestão implantado. O treinador é apenas uma peça nessa estrutura. Então, tem manutenção do elenco, preparador físico, do treinador de goleiros e toda retaguarda. Grandes perdas? Não”, disse Peggy, que pode contratar um novo técnico até esta quarta-feira (8).

Peggy ainda declarou que a saída de Lana afetou somente a estratégia do Leão. “Temos um planejamento que está sendo executado. Se fosse para colocar um treinador que abandonaria o clube antes de começar, praticamente, a temporada, eu não colocaria. Escolhi o Lana porque achei o mais capaz naquele momento. Do ponto de vista econômico, isso não surpreende porque é o mercado da bola”, afirmou o dirigente.

sábado, 4 de fevereiro de 2017

Naça segue treinando forte e jogo mantido para dia 18/02 em Manacapuru

Nacional segue treinando normalmente no CT Barbosa Filho, aprimorando o condicionamento físico e técnico, pois os jogadores ainda não estão nas melhores condições de jogo.
A Diretoria ainda segue atrás de um número 10, mas as condições financeiras não são das melhores e a nova política do clube, pés no chão, não permite fazer loucuras.
Hugo meia recuperado pode ser uma boa opção no meio 
O meia Charles está em letígío com o clube, Lana afirmou isso na entrevista após o empate com o Galvez no Acre, então a torcida já não confia mais em sua volta ao clube.
Notícia boa é que o meia Hugo que teve uma contusão séria no joelho ano passado, voltou a treinar e vai ser integrado ao elenco, assim como o Zagueiro Luan, prata da casa, que também estava contundido, os dois estarão à disposição de Lana logo logo.
Jogo dia 18/02:
Após consultar a opinião da torcida, a diretoria do Nacional confirmou que o jogo de volta do confronto contra o Galvez-AC, válido pela fase preliminar da Copa Verde, será mantido para o dia 18. Entre os argumentos que pesaram na tomada de decisão estão às realizações do concurso público do Tribunal Regional do Trabalho (TRT-11) e da tradicional Banda do Boulevard, que tem como presidente, Manoel do Carmo Chaves Neto, o Maneca.