domingo, 26 de julho de 2015

Naça perde de virada no Acre

 O Rio Branco-AC conquistou a primeira vitória no Campeonato Brasileiro da Série D e deixou a briga no Grupo A1 embolada. Mesmo com uma apresentação ruim, o Estrelão bateu oNacional-AM, por 2 a 1, de virada e com gol nos acréscimos, na noite deste domingo, na Arena da Floresta, em Rio Branco, pela terceira rodada.
Danilo Rios Marcou primeiro

Com este importante resultado, o time acreano deixa a disputa por uma das duas vagas do grupo bem acirrada. O Naça continua na liderança da chave, com quatro pontos em três jogos. O Remo é o vice, também com quatro, mas em dois jogos. Já Vilhena e Rio Branco têm três pontos. Este último também tem um jogo a menos. Já o Náutico-RR é o lanterna, com três pontos negativos por escalar jogadores irregulares.

O JOGO
Mesmo jogando fora de casa, o Nacional começou controlando a partida e dominando o Rio Branco. Tanto que conseguiu abrir o placar aos 39 minutos do primeiro tempo. O volante Kássio vacilou, o atacante Júnior Paraíba puxou contra-ataque e tocou para o meia Danilo Rios marcar o gol.

Apesar da atuação bem abaixo do esperado, o Estrelão conseguir buscar o empate antes do intervalo. Aos 43 minutos, o meia Evandro cobrou escanteio para a área e o zagueiro Carciano desviou de cabeça para deixar tudo igual no marcador.
Primeiro gol do Rio Branco-AC

Na segunda etapa, o jogo teve poucas emoções, mas o Naça sempre esteve mais perto de marcar o segundo que os donos da casa. Quando levava a crer que o jogo terminaria empatado, veio a surpresa. O time acreano virou o jogo, aos 47 minutos, após o atacante Giancarlo desviar cruzamento de Jeferson.

PRÓXIMOS JOGOS

No próximo domingo, às 19 horas, o Rio Branco volta a campo para enfrentar o Vilhena-RO, na Arena da Floresta, em Rio Branco. Enquanto isso, o Nacional folga na quarta rodada e volta a campo apenas no dia 9 de agosto, quando recebe o Remo, às 17 horas, na Arena da Amazônia, em Manaus.
FICHA TÉCNICA

RIO BRANCO-AC X NACIONAL-AM

Local – Estádio Waldeir de Oliveira
Renda – R$ 9.980 803
Público – 803 pagantes
Árbitro – Fledes Rodrigues Santos (RO)
Assistentes – Mario Jorge Ferreira Lima (AC) e Jean Carlos Rodrigues da Silva (AC)

Cartão amarelo – Dudu Mandai, Tiaguinho, Charles (Rio Branco-AC); Lusmar (Nacional-AM)

RIO BRANCO-AC

Roger; Tharle, Martinez, Carciano e Tiaguinho; Felipe Recife (Giancarlo), Kássio, Robinho e Evandro (Jeferson); André Lima (Dudu Mandai) e Charles.

Técnico: Nei Gaúcho

NACIONAL-AM

Rodrigo Ramos; Peter, Mauricio Leal, Robinho e João Rodrigo (Kelvin); Dênis, Lusmar e Danilo Rios (Lídio); Romarinho (Nando), Felipe e Júnior Paraiba.
Técnico: Aderbal Lana

segunda-feira, 20 de julho de 2015

Naça vence Vilhena-RR de 2x0

O Nacional conquistou a sua primeira vitória no Campeonato Brasileiro da Série D. Na tarde deste dmingo, o Naça passou pelo Vilhena pelo placar de 2 a 0, em partida realizada na Arena da Amazônia, pela 2ª rodada. Os gols da partida foram marcados por Peter e Júnior Paraíba.
Com o resultado, o Nacional ultrapassou o Remo na tabela de classificação e assumiu a liderança com quatro pontos, mesma pontuação do Remo. O Vilhena ficou em quarto com um. Em terceiro vem o náutico também com um, enquanto que o Rio Branco é o único time que ainda não pontuou no Grupo 1.
TUDO IGUAL!
Nacional e Vilhena fizeram um grande primeiro tempo na tarde deste domingo. O Naça começou melhor e foi logo perdendo uma grande oportunidade aos três minutos. Charles arriscou o chute, Naldo espalmou e Felipe furou. A resposta foi logo na sequência. Elsinho arriscou de fora da área e mandou para fora.

Torcida do Nacional faz a festa na Arena Amazônia
Torcida do Nacional faz a festa na Arena Amazônia
Depois, foi um jogo entre ataque e defesa. O Nacional partiu com tudo para cima e o Vilhena sofreu para se segurar. Danilo Rios cobrou falta e Naldo salvou. Júnior Paraíba apareceu livre de marcação, arriscou o chute, mas também parou no arqueiro do clube rondoniense. A última tentativa do primeiro tempo foi de Charles, que mandou nas redes pelo lado de fora.
Era o dia de Naldo na Série D. Era, até o apito final do árbitro. O goleiro, que já havia recebido o amarelo durante o jogo, foi reclamar e acabou expulso, assim como o técnico Birigui.
DEFINIU O JOGO!Na segunda etapa, com um jogador a menos, ficou fácil para o Nacional liquidar a partida. Aos cinco minutos, o Naça abria o marcador. Peter apareceu na frente do gol e só teve o trabalho de tocar na saída do goleiro Wagner. A esperança do Vilhena de empatar ficou na trave. Aos nove, após cobrança de escanteio, Cabixi mandou no poste.
O Nacional se mostrava melhor, mas também não tinha pressa para definir a situação. O segundo gol foi sair apenas aos 30 minutos. Danilo Rios achou Charles, que deixou Júnior Paraíba em boas condições de marcar. O atacante não perdoou. Depois, foi só se segurar para sair com os três pontos.
PRÓXIMOS JOGOS
Na próxima rodada, o Vilhena enfrenta o Náutico-RR no domingo, às 17h, no Portal da Amazônia, em Porto Velho (RO). Já o Nacional visita o Rio Branco no mesmo dia, às 19h, na Arena da Florenta, em Rio Branco (AC).
FICHA TÉCNICA
NACIONAL-AM 2 X 0 VILHENA-RO
Local: Arena da Amazônia, em Amazonas (AM)
Público: 2.179 torcedores
Renda: R$ 52.695,00
Árbitro: Mayron F. dos Reis Novais (MA)
Auxiliares: Marcos Santos Vieira (AM) e Alexsandro Lira de Alexandre (AM)
Cartões amarelos: João Rodrigo e Robinho (Nacional); Cacau (Vilhena)
Cartão vermelho: Naldo (Vilhena)
Gols: Peter, aos cinco minutos do segundo tempo.
NACIONAL-AM
Rodrigo Ramos; Peter, Maurício Leal, Robinho e João Rodrigo (Andrezinho); Dênis, Lusmar, Danilo Rios (Lídio) e Charles; Felipe e Júnior Paraíba (Nando).
Técnico: Aderbal Lana
VILHENA-RO
Naldo; Vinícius, Alex Barcelços, Portela, Maicon, Dourado, Cucaú, Edilsinho (Lucas), Diego Siqueira (Wagner); Cabixi e Souza (André Morozin).
Técnico: BiriguiTécnico: Waguinho Dias

sábado, 18 de julho de 2015

Naça quer a vitória contra o Vilhena-RO

O Nacional faz sua estreia em casa na D nesse domingo e promete a vitória para seu torcedor.
O Leão da Vila Municipal realizou ontem  o último treino coletivo antes de enfrentar o Vilhena pela segunda rodada da Série D do Campeonato Brasileiro. O campeão amazonense testou várias formações, dando mais opções ao técnico Aderbal Lana.

Os ingressos para o confronto entre Nacional e Vilhena já estão à venda ao valor de R$ 30 na sede do clube (Rua São Luiz, 230, bairro Adrianópolis). Para ter direito à meia-entrada (R$ 15), estudantes e idosos deverão apresentar documento de identificação no ato da compra. 

Uma das formações testadas ontem na Arena da Amazônia foi Rodrigo Ramos; Peter, Maurício Leal, Robinho, João Rodrigo, Dênis, Lusmar, Danilo Rios, Thiago Marin, Charles e Felipe. Nacional e Vilhena está marcado para domingo, 16 horas (horário de Manaus).

Reportagem: Willian D'Ângelo